quinta-feira, 22 de maio de 2014

Os 13 Porquês é um livro que fez muito sucesso, principalmente lá fora, e já foi confirmado nas telonas, apesar de ainda não ter data de lançamento e nenhuma informação muito concreta. Há especulações que Selena Gomez fará o papel de Hannah Baker ( a garota que suicidou), porém o elenco ainda não foi escalado. Mas eu não estou aqui para falar do filme e sim do livro, então vamos começar!

Título: Os 13 Porquês

Autor: Jay Asher

Páginas: 256

Sinopse: Ao voltar da escola, Clay Jensen encontra um misterioso pacote com várias fitas cassetes. Ele ouve as gravações e se dá conta de que foram feitas por uma colega de classe que cometeu suicídio duas semanas antes. Nas fitas, ela explica que 13 motivos a levaram à decisão de se matar. Clay é um deles. Agora ele precisa ouvir tudo até o fim para descobrir como contribuiu para esse trágico acontecimento.

A história é narrada intercalando as falas de Hannah nas fitas e os pensamentos de Clay (o que, as vezes pode ficar um pouco confuso) e tudo se passa num curto período, o tempo inteiro a gente tem o Clay escutando as fitas, com eventual pausas para pequenos diálogos.

O livro aborda vários assuntos sérios além do suicídio, como depressão, abuso sexual e bullying, e as consequências dessas ações na vida das pessoas. O que eu achei mais interessante na história, é que ela nos faz refletir sobre as nossas ações em relação ao próximo - o que pra mim pode parecer uma brincadeira inofensiva, pode estar criando uma "bola de neve" que a cada dia cresce mais.

"Era exatamente isso que eu queria para mim. Queria que as pessoas confiassem em mim, apesar de qualquer coisa que tivessem ouvido. E, mais do que isso, queria que me conhecessem. Não aquilo que pensavam saber a meu respeito. Mas eu de verdade."

Esse livro é bem diferente do que eu costumo ler, mas fiquei curiosa do início ao fim, não queria parar até terminar de "ouvir" a última fita, apesar de que me vi pulando alguns trechos da narrativa que eu estava achando chato ou cansativo. Confesso que EU não achei os motivos fortes o suficiente para fazê-la suicidar, mas não sou ninguém pra julgar e, novamente, o que é inofensivo pra mim pode não ser para o outro.

O livro é bem escrito, a leitura é fácil e rápida, as vezes um pouco monótona. Não dou cinco estrelas pra ele, mas recomendo a todos que leiam esse livro, realmente vale a pena.

0 comentários:

Olá!

Olá!
Meu nome é Débora, sou aquariana e tenho 23 anos. Adoro ler, sou apaixonada por Harry Potter, viciada em séries e música, futura moradora de Londres e extremamente sonhadora. Google+

Seguidores

Pesquisar este blog

Follow by Email

Arquivo do blog

Tecnologia do Blogger.